Hoje vou falar sobre Nó na garganta.
Eu sei que nó na garganta pode evidenciar problemas físicos, mas não é isso que vou dizer hoje.
Vou falar do nó na garganta de caráter emocional.
Mas por que cheguei nesse assunto, ?
Folheando uma revista deparei com a seguinte frase:
“Se ao escalar uma montanha na direção de uma estrela o viajante se deixar absorver demais pelos problemas da escalada, ele está se arriscando a esquecer qual é a estrela que o guia”.-Antoine de Saint-Exupery-
Parei, pensei e percebi como somos assaltados por tantos problemas que nos afastam de nossa escalada.
Nó na garganta é um sinal desses problemas, que as vezes nos passa desapercebido do seu real valor.
Tudo é um símbolo emocional de que existe algo literalmente entalado em você, pode ser algo que ainda você não engoliu, não digeriu, não elaborou, que esta te causando ansiedade e prejudicando a sua saúde fisica e emocional, é claro que aos poucos esse nó vai dissolvendo, dependendo é claro do seu grau de compreensão.
Eu tenho algumas dicas para desatar esse nó, para que assim você possa continuar sua escalada.
A primeira é, perguntar-se sinceramente: O que esta acontecendo comigo, o que eu não aceito?
Estar engasgado com algo, é um sinal de que você não aceita algo, e não tem coragem de dizer, de se posicionar, de gritar com o mundo, de se revelar.
Então o que nos sobra é essa bola aqui, impedindo-nos de engolir, dando o sinal de que não aceitamos algo.
E calma, não aceitar algo não é nada do outro mundo.
A aceitação pode ser positiva e negativa, quando não aceitamos é por que não concordamos com algo, apenas isso.
O mais honesto e justo consigo mesmo é dar um tempo, se recolher e ver se não existe um jeito de se posicionar de forma clara , de forma que você possa se fazer entender e que o outro a entenda. Se for uma situação, decida-se afastar, refletir e enfrentar, esse é o melhor caminho.
Mas esse caminho precisa de algo, de que você se fortaleça para ser justa, lógica e que tenha auto-confiança suficiente para levar adiante a sua posição.
No fundo é : pare, pense, enfrente.
Mas se algo não pode ser mudado, ai você precisa mesmo de uma boa dose de paciência, aceitação positiva ou seja entender a situação com novos angulos e procurar fazer de tudo para que essa situação não prejudique a sua saúde física, pois em geral os desacordos tendem a nascer nas emoções e migram para o nosso corpo físico.
A dica de hoje é cuide-se. Não só do seu estado físico, mas também emocional.

Desate os nós, entenda-os, veja por vários ângulos e depois siga a sua escalada.

Eu desejo um otimo dia!

Gostou? quer ouvir essa mensagem ?

ESCUTE AQUI NOSSO PODCAST



CompartilheShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário